O Linux é gratuito

Uma das principais razões para migrar para o Linux, está no fato de ser um sistema operacional 100% gratuito. Portanto, se você deseja economizar na hora de trocar seu sistema operacional, conte com o Linux.

O Linux é seguro

Nenhum sistema operacional é 100% seguro, no entanto o Linux oferece uma segurança muito maior do que o Windows. A prova disso é que a grande maioria dos vírus são feitos especificamente para o Windows. Outro ponto importante é que o Linux passa por atualizações regulares em seu Kernel, onde são instalados patches de segurança atualizados.

Drivers incluídos

Quem já teve a necessidade de formatar seu computador, instalar uma placa de vídeo ou qualquer outro hardware utilizando o Windows, já conhece a dificuldade em encontrar drivers.

Por outro lado, no Linux esses problemas são muito raros já que a maioria dos hardwares são suportados pelo Kernel.

 Apoio comunitário

A criação de uma comunidade colaborativa, também é uma das principais razões para migrar para o Linux. Isto porque atualmente existem fóruns e listas de discussões onde muitos desenvolvedores frequentam e recebem feedback dos usuários.

Computadores mais baratos

Atualmente quem pretende comprar um novo computador (desktop ou notebook), já poderá encontrar nas lojas aparelhos tanto com o Windows quanto com o Linux. Mas se você deseja economizar na compra, então vale a pena escolher Linux, já que o preço da licença do Windows já é incluído no preço final dos computadores.

Atualizações constantes

Enquanto no Windows é necessário esperar cerca de 18 meses para receber atualizações por meio de um service pack, o Ubuntu oferece atualizações a cada seis meses e versões de suporte de longo prazo (LTS) a cada dois anos. E o melhor de tudo, sem a necessidade de fazer aquela longa reinicialização do sistema para instalar os pacotes de atualização.

Programas livres

Encontrar programas gratuitos também é uma das melhores razões para migrar para o Linux.

No Ubuntu, por exemplo, já exitem mais de 30 mil softwares livres que podem ser facilmente baixados dentro da central de aplicativos e utilizados gratuitamente.

Economia em TI

Quem utiliza o Windows em casa ou no trabalho, sabe que de tempos em tempos o computador precisa passar por uma atualização de hardware, ou seja, aumento de memória ram, processamento e até mesmo troca do equipamento.

Já o Linux é capaz de rodar em computadores mais antigos, no qual o Windows muitas vezes não suporta.

Portanto se você acessa a internet, lê e-mails ou edita arquivos no office, então um computador mais antigo com o Linux, poderá ser excelente para você ou para sua empresa economizar com hardware.

Isenção em fiscalizações

Empresários que optam pelo Windows, sabem que as fiscalizações em relação a licenças de sistemas operacionais e demais softwares podem ser um grande problema. No entanto, quando se opta pelo Linux, esses problemas deixam de existir, pois com um sistema operacional livre, o controle de licenças deixa de existir.

Maior estabilidade

Travamentos e a famosa “tela azul” são erros muito comuns que causam transtornos para usuários domésticos e corporativos. No Linux por sua vez, este tipo de erro é muito raro ocorrer. Então se você busca um sistema operacional mais estável, vale a pena migrar para o Linux.

Suporte comercial

Antigamente, a falta de suporte comercial do Linux era um dos grandes motivos para as empresas optarem cada vez mais pelo Windows. No entanto, atualmente empresas como Red Hat, Canonical e Novell mudaram este cenário por disponibilizarem suporte em período integral para suas aplicações. Portanto, este não é mais um obstáculo para sua empresa migrar para o Linux.

Fácil de usar

Já se foi o tempo em que o Linux era um sistema operacional difícil de ser utilizado. Atualmente já é possível contar com interfaces gráficas intuitivas que possibilitam com que qualquer usuário de Windows consiga trabalhar com o Linux. Sendo assim, esqueça a ideia de que Linux é recomendado apenas para nerds.

É Open Source

Outra grande razão para migrar para o Linux, é o simples fato de ele ser um sistema de código aberto. Ou seja, nenhuma empresa controla ou restringe o código e qualquer desenvolvedor ou usuário pode ver e modificar o código como desejarem.

Citamos algumas razões para que possam avaliar a mudança de sistema operacional em sua empresa, caso tenha alguma dúvida, ligue para nós da VNEK.